Florais de Bach

Criada na década de 30 por Edward Bach, seguidor de Samuel Hannemann, o pai da homeopatia, estudioso do século XVIII, a Terapia Floral segue alguns princípios da homeopatia, como, por exemplo, tratar doenças pelas causas e não pelo sintoma.

Bach defendia a idéia de que as doenças são conseqüências de um desequilíbrio emocional e mental e as emoções fazem parte da enfermidade, portanto, não se tratam apenas com a medicina tradicional.

A Terapia Floral é um desdobramento da medicina vibracional que considera não apenas o corpo físico, mas também os corpos energéticos sutis associados ao corpo físico. Tem a capacidade de reorganizar emoções que possam desencadear doenças.

Aqui o ser humano é visto de forma integral em seus aspectos físico, mental, emocional e espiritual todos interligados e interdependentes funcionando como um sistema onde os desajustes ou desequilíbrios de um dos aspectos atingirá os demais.

Tabela Florais de Bach

Esta forma de terapia, cada vez mais utilizada no mundo todo, é simples de entender, e sem contra indicações, pois permite ao usuário automedicar-se após as orientações de um Terapeuta permitindo uma interpretação mais profunda dos sintomas, levando em conta características do inconsciente, o que não ocorre na auto análise, que permeia apenas o consciente.

Reconhecida e recomendada pela Organização Mundial de Saúde, tem a finalidade de permitir que a personalidade possa dominar sozinha o estado passageiro de ânimo negativos, típicos da natureza humana. Ela auxilia o ser humano na descoberta e compreensão das suas emoções e padrões de comportamento, trazendo um caminho para o equilíbrio pessoal.

Tabela Florais de Bach

Objetivos

- Purificar a alma

- Criar harmonia

- Estimular o auto conhecimento

- Dar maior estabilidade à personalidade

- Ampliar a resistência contra perturbações emocionais e psicossomáticas

- Prevenir doenças físicas

- Reforçar tratamentos médicos homeopáticos ou alopáticos

- Ajudar o organismo se curar, resgatando virtudes, despertando talentos e desenvolvendo no indivíduo seu potencial latente de manter seu próprio bem estar.

Vale ressaltar que a Terapia Floral não substitui o tratamento médico e é de grande importância que os interessados saibam essencialmente o que é terapia floral antes de aceitar ou negar esta forma holística de tratamento.

Anúncio Patrocinado